terça-feira, 7 de julho de 2009

QUANDO FUI CHUVA

Musica ( Luis Kiari e Caio Soh )

Quando já não tinha espaço pequena fui
Onde a vida me cabia apertada
Em um canto qualquer acomodei
Minha dança os meus traços de chuva
E o que é estar em paz
Pra ser minha e assim ser tua

Quando já não procurava mais
Pude enfim, nos olhos teus vestidos d’água
Me atirar tranqüila daqui
Lavar os degraus, os sonhos e as calçadas

E assim no teu corpo eu fui chuva
Jeito bom de se encontrar
E assim no teu gosto eu fui chuva
Jeito bom de se deixar viver

Nada do que eu fui me veste agora
Sou toda gota, que escorre livre pelo rosto
E só sossega quando encontra a tua boca

E mesmo que em ti me perca
Nunca mais serei aquela
Que se fez seca
Vendo a vida passar pela janela

Quando já não procurava mais
Pude enfim, nos olhos teus vestidos d’água
Me atirar tranqüila daqui
Lavar os degraus os sonhos e as calçadas

E assim no teu corpo eu fui chuva
Jeito bom de se encontrar
E assim no teu gosto eu fui chuva
Jeito bom de se deixar viver

9 comentários:

  1. Essa música tem uma letra linda, é de uma poesia impressionante!Linda essa metáfora da chuva e que melodia incrível!
    Parabéns aos autores! Certeza de sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Tô assistindo o video dessa música da Gadú com o Kiari. AMO!!!

    ResponderExcluir
  3. muito linda essa musica ;)
    dá uma paz !

    ResponderExcluir
  4. Linda a letra, a melodia...tudo perfeito! super preciso ir ao Rio para ouvir isto de perto! tenso

    ResponderExcluir
  5. Eu simplesmente viajo com essa música...
    Sua letra é extremamente *mágica*!
    "Jeito Bom de Se Deixar Viver".

    ResponderExcluir